Crítica || Guerra Mundial Z

Escrito por Miaka J. S. Freitas - sexta-feira, julho 19, 2013



*Alerta de spoiler: Moderado, beirando a muito spoiler*
  
É um filme que criei muito prós e contras. Brad Pitt é um ótimo ator e faz o personagem principal, porém não acho que ele foi bem aproveitado nesse roteiro. Na verdade, achei o roteiro fraco em várias partes, como em toda parte dos laboratórios. Engraçado é que Brad Pitt fica adotando filho até mesmo em filmes.
 
Outra coisa chata do filme, que bom que não perpetuou durante todo o filme, são as duas filhas do personagem principal. Outro fato que devemos nos atentar é pelo mal agouro que o Brad Pitt leva para os lugares que visita. Todo lugar que ele vai, ele acaba fazendo que todos ali sejam atacados novamente pelos zumbis.

Já que eu toquei no fato dos zumbis, achei engraçado os zumbis retratados neste filme. Se o apocalipse zumbi acontecesse com esses zumbis em questão, toda a humanidade estava perdida, afinal, eles pareciam treinar para competir em uma maratona. Bem rápidos e chegaram a escalar um muro.

Quem assistiu, por favor, comentem agora nessa resenha. Senão será só eu nesse mundo que achou que o virologista morreu de forma mais idiota de toda a produção sobre zumbis que já existiu? Como alguém pode correr assustado, cair e dá um tiro em si mesmo? O cara não serviu para nada. Apareceu só para copiar um dialogo que tem no segundo capitulo do mangá High School Of the Dead e morrer sem contribuir em nada sobre a cura e a luta contra os zumbis. Achei inútil a parte dele no filme. Sem ele não faria a mínima diferença o roteiro.
Foto retirada do mangá da Panini HSTD vol. 1 - Dialogo "plageado"
 Gostei da sacada bacana sobre os zumbis não atacarem adoentados. Realmente é lógica se parar para pensar que o vírus é seletivo. Zumbis não atacam outros zumbis, ou seja, não ataca outros infectados. Talvez não faça realmente distinção em que tipo de infecção seja, só que o individuo é infectado e pronto. Mas o jeito que foi trabalhado e desirmanado essa conclusão foi igualmente ridícula e fraca.
 
O filme foi inspirado no livro de Max Brooks, chamado Guerra Mundial Z. Para quem não sabe, Max é o autor do famoso livro Guia de Sobrevivência contra Zumbis, no qual ele explora o como lutar contra essas criaturas num possível apocalipse zumbi. Ainda não li o livro que inspirou o filme, mas fiquei curiosa para saber se tudo ali colocado no roteiro tem a ver com o que foi escrito por Max ou será apenas mais uma adaptação mal feita. Porque de adaptação estilo “Dragon Ball Evolution” o mundo cinematográfico já está lotado. Má adaptação cinematográfica já é vírus.

Sobre o final, acredito que poderá ter uma continuação, pelo fato de ficar um pouco vago. Até mesmo se pensar que, quando é falado “isto não é o fim, nem está longe de acabar”. Mas também pode ser que nunca venha algo para complementar o titulo, como no caso do Ultimo Mestre do Ar, que fez uma ótima adaptação do desenho Avatar: A lenda de Aang, que muitos pensavam que teria uma continuação, afinal, para quem conhece o desenho sabe que o desenho é dividido entre 3 livros, e o filme só retratou o primeiro, que era da água. Muita história ainda seria contada. Mas até hoje não teve nenhuma continuação.  

 LEMBRANDO AOS LEITORES: Temos o sorteio do livro "Visões Noturnas" do autor Mauricio Caldeira. A meta é atingir 500 seguidores. Esperando o que? Acesse o link e participa!

  • Compartilhe:

Você poderá gostar também

2 recados

  1. Gostei muito do filme.E otima materia. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ~1 Eriko
      Achei o filme mediano, nada muito diferente de dezenas de histórias de zumbis que se encontra por ai. Nada para dá um ar de diferencial nesse Guerra Mundial Z. Esperava por mais.

      Obrigada pelo elogio.
      Volte sempre =*

      Beijinhos! ~7

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o crescimento, amadurecimento e manter a qualidade do blog.
Todos os comentários serão respondidos, então marque as notificações!
Deixe seu link no comentário, terei o prazer de retribuir a visita.
Segui. Segue de volta? Se eu gostar, seguirei com prazer!
Beijinhos da Miaka-chan =*